Me senti sozinho!

http://farm6.staticflickr.com/5043/5257400317_7cbe393dd8_z.jpg
Quando eu estava no primeiro ano colegial, eu comecei a estudar numa escola nova e eu não conhecia ninguém por lá.

No primeiro dia de aulas a maioria dos alunos falava apenas com as pessoas já conhecidas e me deixaram de fora de suas conversas.

Eu voltei para casa chorando porque eu estava sozinha.

Mamãe me perguntou qual teria sido o pior momento naquele dia e eu disse que foi na hora do almoço, sentada sozinha na cantina.

Ela disse: “você certamente não é a única pessoa soltitária naquela escola. Há outros que estão sozinhos. Amanhã eu quero que você na cantina olhe ao redor para ver se você encontra outras crianças comendo sozinhas. Eu quero que você vá até uma delas e pergunte se você pode se juntar a ela.”

Bem, no dia seguinte, na cantina, eu olhei em volta e perguntei à primeira pessoa que eu vi que estava sentada sozinha, se podia sentar ao lado dela.

A jovem ficou muito feliz.

Eu compartilhei minha história com a garota e no dia seguinte nos encontramos para almoçar e convidamos outras crianças para se juntar a nós.

Elas estavam até então sozinhas e também não conheciam ninguém.

Isso começou uma abordagem muito interessante para a minha vida.

As lições que aprendi com essa experiência ficaram comigo toda a minha vida.

Eu tenho alguns problemas de me aproximar de novas pessoas em uma reunião, por exemplo, mas aprendi que eu não estou sozinha, exceto quando eu quero estar.

Eu posso escolher me afundar no meu problema ou posso me aproximar de outras pessoas.

A maioria das pessoas são como você e eu.

Todos nós queremos ser notados para obter um pouco de atenção e ter alguém interessado em nos ouvir.

Se você quer ter um amigo, você deve ser um amigo


Biblia Comentada

A Fantástica História do Pato
http://4.bp.blogspot.com/-k1eEeYPHNlY/UXyX2J-TmCI/AAAAAAAACWY/Xq_udAd4GYw/s1600/a%2Bhistoria%2Bdo%2Bpato%2Bligado%2Bna%2Bbiblia%2Bcurta%2Bsalmos%2Bde%2Bdavi%2Bno%2Bfacebook.jpg

Havia dois irmãos que visitavam seus avós no sítio, nas férias.

Felipe, o menino, ganhou um estilingue para brincar no mato.

Praticava sempre, mas nunca conseguia acertar o alvo.

Certa tarde, viu o pato de estimação da vovó…

Em um impulso atirou e acabou acertando o pato na cabeça e o matou.

Ele ficou chocado e triste!

Entrou em pânico e escondeu o pato morto no meio da madeira!

Beatriz, a sua irmã viu tudo mas não disse nada aos avós.

Após o almoço no dia seguinte, a avó disse:

“Beatriz, vamos lavar a louça”

Mas ela disse:

” Vovó, o Filipe me disse que queria ajudar na cozinha”.

E olhando para ele sussurrou:

“Lembra do pato?”

Então o Felipe lavou os pratos.

Mais tarde o vovô perguntou se as crianças queriam pescar e a vovó disse:

“Desculpe, mas eu preciso que a Beatriz me ajude a fazer o jantar.”

Beatriz apenas sorriu e disse, “Está bem, mas o Filipe me disse que queria ajudar hoje”, e sussurrou novamente para ele, “Lembra do pato?”

Então a Beatriz foi pescar e Filipe ficou para ajudar.

Após vários dias o Filipe sempre ficava fazendo o trabalho da Beatriz até que ele, finalmente não aguentando mais, confessou para a avó que tinha matado o pato.

A vovó o abraçou e disse:

“Querido, eu sei… eu estava na janela e vi tudo, mas porque eu te amo, eu te perdoei. Eu só estava me perguntando quanto tempo você iria deixar o pecado fazer você de escravo!”

Qualquer que seja o seu passado, ou o que você tenha feito… (mentir, enganar, seus maus hábitos, ódio, raiva, amargura, etc )…. seja o que for… você precisa saber que DEUS estava na janela e viu tudo como aconteceu.

Ele conhece toda a sua vida …

Ele quer que você saiba que Ele te ama e que você já está perdoado.

Ele está apenas querendo saber quanto tempo você vai deixar o diabo fazer de você um escravo.

DEUS só está esperando você pedir perdão, Ele não só perdoa, mas Ele se esquece.

É pela graça e misericórdia de DEUS que somos salvos.

 

Biblia Comentada

Você sabe a onde esconderam a felicidade?

http://4.bp.blogspot.com/-yPrek77G7w4/UEFyV0lUZ8I/AAAAAAAABU8/EkiL0OpHtm0/s1600/1345726066519-felicidade-realista.jpg

Um pouco antes da humanidade existir, se reuniram vários anjos para fazer uma travessura. Um deles falou: devemos pegar algo, porém o que vamos pegar?

Depois de muito pensar um anjo gritou: Já sei! Vamos pegar a felicidade, porém o problema vai ser a onde a esconderemos para que ninguém possa descobri-la.

O primeiro propôs: "Vamos escondê-la no alto da montanha mais alta do mundo", e imediatamente retrucou o outro: "Não, recorda que eles conhecem a força e algum dia alguém poderá subir e encontrá-la, e quando um lá encontrar, já todos saberão onde ela está.

Em seguida propôs o outro: Então vamos a ocultá-la no fundo do mar, e outro contestou: Não, recorda que eles possuem curiosidade, algum dia alguém construirá algum aparelho para poder descer e assim a encontrará.

Outro mais gritou: Vamos escondê-la em um planeta bem longe da Terra. E responderam: Não, recorda que eles têm inteligência, e um dia alguém vai construir uma nave para poder viajar a outros planetas e assim vai descobrir, e todos possuirão a felicidade.

O último deles era um anjo que havia permanecido em silencio, escutando atenciosamente cada uma das proposições dos demais. Analisou cada uma delas e falou: Creio saber a onde colocá-la para que realmente nunca a encontrem.

Todos viraram assombrados e perguntaram ao anjo: A onde?

O anjo respondeu: "Vamos escondê-la dentro deles mesmos. Estarão tão ocupados procurando lá fora, que nunca a encontrarão.

As Duas Caixas
http://www.jovenstransformados.com/wp-content/uploads/Duas-Caixas1.jpg

Deus deu-me duas caixas e disse:

- Coloque todas as suas tristezas na caixa cinza e todas as suas alegrias na caixa azul.

Tempos depois eu percebi que a caixa azul estava muito mais pesada que a caixa cinza e fiquei um pouco confuso, pois, se tive muitas alegrias na vida, também não me faltaram tristezas.

Como, então, a caixa de alegrias podia pesar tão mais que a caixa de tristezas?

Curioso, abri a caixa cinza e ela estava vazia, pois tinha um buraco no fundo.

Então, eu perguntei:

- Senhor, deste-me uma caixa furada e minhas tristezas desapareceram.

Onde elas foram parar?

- Elas vieram se apresentar diante do meu altar e as devolvi para você.

- Para mim?

Mas elas não estão comigo.

- É que eu as devolvi transformadas.

- Transformadas?

Como assim, meu Senhor?

- Transformadas em alegria. Olhe a sua caixa azul e você vai entender.

Abri a caixa azul e lá estavam todas as minhas alegrias (como foi bom contá-las todas de uma vez).

Mas, lá estavam também as minhas tristezas, com uma carinha diferente, transformadas em alegrias.


Biblia Comentada